Uma pesquisa feita pelo instituto IBV em 2017, mostrou que os desafios são grandes.

A notícia boa é que 61% dos CMOs e Líderes de Vendas dizem que IA será uma força disruptiva em suas indústrias, e 64% afirmam que suas indústrias estão preparadas para adotarem IA nos próximos 3 anos. Por outro lado, apenas 24% dizem possuir estratégia estabelecida para à IA dentro da organização onde trabalha. Reconhecem ainda que suas empresas estão nos estágios iniciais de consideração e avaliação da tecnologia.

Os números mostram um enorme paradoxo, e surgem questões que sempre incomodam:

 

  1. Qual é o papel de marketing na jornada de transformação digital da organização?

  2. Qual é o papel do CMO? Ele faz parte da liderança da transformação digital? Ocupa um papel protagonista ou é coadjuvante?

 

A extensão e a ambição na introdução da tecnologia de IA no marketing, bem como outras novas tecnologias, vai depender do papel que marketing está representando na transformação digital da organização. Aliás, é mais do que isso, a entrada de novas tecnologias é totalmente dependente da maturidade de transformação digital da empresa.

Quanto mais imatura digitalmente, menos impactante e transformador será a aplicação da IA na empresa.

É necessário avaliar quanto o Marketing pode ser transformador para a organização como um todo. Podemos pensar IA apenas entregando uma experiência melhor no atendimento ao cliente… Ou podemos pensar IA realmente mudando o negócio da empresa.
Essa é uma conversa merece uma discussão exclusiva.

Por fim, a pesquisa segmentou a base pesquisada e conversou com os CMOs de maior sucesso na introdução de IA em suas organizações. Eles apresentaram 4 recomendações:

 

Dê espaço para a inclusão de soluções de IA na sua estratégia de transformação digital

Em vez de considerar a iniciativa cognitiva como uma iniciativa isolada, os CMOs devem considerá-la como um componente importante da estratégia de Transformação Digital

 

Desenvolva skills de negócios no time de marketing e não somente skills digitais e de análise de dados

Com a introdução da tecnologia cognitiva, marketing precisa de profissionais capazes de discernir implicações de negócios a partir de ideias cognitivas. É necessária uma perspectiva ampla da estratégia da empresa e das engrenagens do negócio. Skills de tomada de decisão são fundamentais.

 

Considere IA como uma oportunidade de ouro para colaboração e inovação

A implementação de soluções cognitivas exigirá uma nova forma de pensar o relacionamento e atendimento aos clientes, implicando em forte alinhamento das áreas de marketing, vendas, serviço ao cliente, cadeia de suprimentos, desenvolvimento de produtos, RH, treinamento, bem como operações e finanças. É uma oportunidade única de alcançar inovação através de novos conceitos e processos.

 

Comece pequeno, se necessário – mas comece

Executivos temem que a mudança para o mundo cognitivo implique na substituição radical de ferramentas e processos relacionados à análise de dados e experiências de clientes. Construir um business case para mudanças nessa escala é assustador. A melhor estratégia é começar pequeno, assim é possível aproveitar os benefícios de uma solução cognitiva e estudar a melhor forma de expansão. Mais da metade dos Outperformers já iniciaram sua mudança para cognitivo.

 

Para fechar essa conversa, vamos concluir com 3 mensagens básicas, que são ensinamentos obtidos em cima da minha experiência nos últimos anos com IA.

  • Não espere, não fique olhando. Entre nisso rapidamente, experimente. A inteligência artificial saiu da ficção científica e virou realidade.
  • Pense na IA como um elemento de disrupção dentro da empresa. A introdução da IA incomoda, gera desconforto e provoca reações incríveis na capacidade de inovação e transformação da organização.
  • A IA tangibiliza o Big Data para valer. Todos falamos o tempo todo em Big Data. Encare a IA como o caminho para transformar o Big Data em real valor para o seu negócio.

 

Fonte: Mauro Seguro – Diretor de Marketing da IBM Brasil

Comments: 0

There are not comments on this post yet. Be the first one!

Leave a comment